FOGOS AGRAVAM EMISSÕES DE CO2



"Por ser coisa sabida, é já esquecida, que uma árvore,
uma pedra, uma nascente
podem ser o paraíso da nossa vida." - Ramón de Campoamor


"Os níveis de gases com efeito de estufa decorrentes da dimensão que os incêndios florestais estão a atingir, provoca uma subida considerável da libertação de CO2".
O aviso chegou pela mão do Partido Ecologista “Os Verdes”, que num comunicado afirmam que "esta libertação de CO2 proveniente dos fogos florestais vem contribuir para que Portugal se afaste ainda mais dos seus compromissos internacionais de redução de gases com efeito de estufa, redução que os sucessivos governos têm sido incapazes de garantir, designadamente pela diminuta importância que têm atribuído ao sector dos transportes e da energia - sectores prioritários de intervenção para garantir o combate às alterações climáticas".
Assim, “Os Verdes” consideram que o "Governo deve rapidamente proceder ao levantamento quantitativo dos níveis de emissões que já foram libertadas com os fogos florestais de 2005", pois esta é uma informação que o Grupo Parlamentar “Os Verdes” vai querer obter na sessão legislativa de Setembro.

Alterações climáticas

Sobre a questão climatérica, “Os Verdes” realçam que é tempo dos "governos deixarem de assumir, em cada ano problemático, que estamos perante um ano absolutamente excepcional.
Para "Os Verdes", o actual Governo "já deveria saber que estas “ondas” de calor prolongado e intenso, relacionados com períodos prolongados de seca, já não são uma excepção, mas tenderão antes a ser cada vez mais frequentes – como ditam os relatórios e estudos que se debruçaram sobre os efeitos das alterações climáticas em Portugal".
Assim, “Os Verdes” afirmam que é tempo de o Governo perceber que "as causas estruturais da dimensão dos fogos florestais em Portugal se encontram em políticas que fomentaram o abandono do mundo rural; o abandono da agricultura; o desordenamento florestal, designadamente, quanto ao seu vasto povoamento de resinosas; a má gestão florestal, que não consegue um cadastro actualizado da propriedade florestal".

2 comentários:

Blu disse...

gracias! (grazie!)

see you soon!

João Oliveira Leonardo disse...

Portugal esta de tal forma afastdo dos valores com que se comprometeu que estes incêndios apenas servem para realsar o problema, porque enquanto os goevrnantes não decidirem fazer alguma coisa sobre o assunto nada vai mudar.